5 dicas para expor sua marca e vender mais em feiras

20 de janeiro de 2016

Dezenas, às vezes centenas, de estandes de exposição de diferentes marcas, todas com o objetivo de promover seus produtos: assim são as feiras de negócios. Elas possibilitam aos empresários uma ampla divulgação de seus serviços e uma afirmação da marca para o consumidor, o que ajuda a fortalecer a imagem da empresa. As feiras de negócios são muito interessantes para os empreendedores e podem ser uma oportunidade de estabelecer a sua organização no mercado.

Expor sua marca nas feiras permitirá um destaque diante de suas concorrentes e a divulgação do catálogo da sua empresa para os seus possíveis clientes. Por isso, vale a pena investir nesse tipo de evento. Para te ajudar a ter ainda mais notoriedade na exposição, separamos quatro dicas úteis para você. Acompanhe-as a seguir!

1. Determine o objetivo da sua marca na feira

Um erro comum dos empreendedores que apostam nas feiras de negócios é não ter bem definidos os objetivos ao participar da exposição. Portanto, antes de investir num estande e se preocupar com a estética da sua divulgação, confira as perguntas básicas que você deve fazer antes de levar sua marca para as feiras:

Por que você quer expor?

Pense bem no motivo que o leva a expor em uma feira de negócios. Vender mais de um determinado produto? Conhecer novos fornecedores? Levar o público a conhecer um serviço prestado pela marca? Após ter essa resposta em mente, fica mais fácil seguir os próximos passos.

Qual o orçamento para investimento na feira?

Quando se fala em negócios, é importante falar em números exatos. Saiba quanto poderá destinar do seu orçamento para investir na exposição e partir daí você poderá traçar as ideias para seu estande sem extrapolar os investimentos.

Quem acompanhará a empresa na exposição?

Decidir quem representará a marca é fundamental, e a escolha vai depender da mensagem que a empresa quer passar no evento — por isso voltamos à primeira questão: por que a sua empresa quer expor. É possível levar o pessoal das vendas, do marketing da empresa, ou até os clientes antigos da marca, dependendo apenas do que você pretende transmitir.

feiras-de-confecção

2. Distribua brindes

O brinde não é apenas um agrado que a marca dá aos seus possíveis compradores para ser gentil. Dentro das feiras — onde o importante é chamar a atenção e se destacar em meio aos inúmeros concorrentes —, os brindes são um impulso para que isso aconteça, e seu objetivo é reforçar a imagem da marca. Por isso, não distribua brindes genéricos. Escolha um que represente a empresa e que servirá para atrair clientes em potencial.

3. Faça uso da tecnologia

Atualmente, a modernização dos setores é uma realidade inegável. Nas feiras de negócios não é diferente, porque cada vez mais os empreendedores apostam na tecnologia para atrair e conquistar os clientes. Ficar de fora desse recurso não é uma atitude aconselhável.

Através de sistemas como o CRM, é possível montar, de maneira simples, planilhas com as informações dos visitantes que passam pelo seu estande, traçando o perfil de quem mais se interessa pelo seu negócio. Além disso, as telas touch, os jogos relacionados a negócios e a interação com as redes sociais são ótimas opções para fisgar os clientes potenciais.

4. Chame a atenção para sua participação no evento

O marketing anterior à feira é essencial para que as pessoas tenham ainda mais vontade de conhecer o seu estande. Invista em chamadas nas redes sociais e demais mídias, convidando os visitantes a conhecer a sua exposição. Além disso, é uma boa oportunidade para se aproximar de contatos da área dos negócios, como fornecedores e leads, portanto, invista e chame a atenção para o seu empreendimento antes mesmo de a feira começar!

5. Utilize catálogos online para vender mais em feiras

catálogo-online-para-feiras

Um catálogo online será importante para a captação de pedidos, dando mais agilidade e organização na captação de pedidos, principalmente em eventos de grande porte e com um grande fluxo de pessoas como são as feiras.  Aplicativos como como esses, também denominados “força de vendas”, permitem que o vendedor tenha à mão multiplos catálogos e informações sobre os clientes em tempo real (histórico de pedidos, produtos mais comprados, etc.), além de evitar erros críticos como vender um produto que não está disponível no estoque.

A automação para a força de vendas, obtida graças ao sistema de pedidos digital, permite enviar o pedido diretamente para o departamento comercial da fábrica em poucos segundos.

Optar por um sistema ágil, com bons recursos (como relatórios de análise) e que tenha uma tela de pedido fácil de digitar, são alguns dos aspectos a serem considerados pelos gestores ao optar por essa tecnologia.

Agora que você já conhece as melhores dicas para expor sua marca e atrair desde já os seus futuros clientes, aposte nas feiras e capriche na exposição do seu catálogo de serviços! Tem mais alguma dica para expor em eventos? Conte para a gente nos comentários!

    

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos

Categorias

Tags

Mais Vistos

37331
31774
16618
12276
_linkedin_partner_id = "1549377"; window._linkedin_data_partner_ids = window._linkedin_data_partner_ids || []; window._linkedin_data_partner_ids.push(_linkedin_partner_id); (function(){var s = document.getElementsByTagName("script")[0]; var b = document.createElement("script"); b.type = "text/javascript";b.async = true; b.src = "https://snap.licdn.com/li.lms-analytics/insight.min.js"; s.parentNode.insertBefore(b, s);})();