5 dicas para expor sua marca e vender mais em feiras

20 de janeiro de 2016

Dezenas, às vezes centenas, de estandes de exposição de diferentes marcas, todas com o objetivo de promover seus produtos: assim são as feiras de negócios. Elas possibilitam aos empresários uma ampla divulgação de seus serviços e uma afirmação da marca para o consumidor, o que ajuda a fortalecer a imagem da empresa. As feiras de negócios são muito interessantes para os empreendedores e podem ser uma oportunidade de estabelecer a sua organização no mercado.

Expor sua marca nas feiras permitirá um destaque diante de suas concorrentes e a divulgação do catálogo da sua empresa para os seus possíveis clientes. Por isso, vale a pena investir nesse tipo de evento. Para te ajudar a ter ainda mais notoriedade na exposição, separamos quatro dicas úteis para você. Acompanhe-as a seguir!

1. Determine o objetivo da sua marca na feira

Um erro comum dos empreendedores que apostam nas feiras de negócios é não ter bem definidos os objetivos ao participar da exposição. Portanto, antes de investir num estande e se preocupar com a estética da sua divulgação, confira as perguntas básicas que você deve fazer antes de levar sua marca para as feiras:

Por que você quer expor?

Pense bem no motivo que o leva a expor em uma feira de negócios. Vender mais de um determinado produto? Conhecer novos fornecedores? Levar o público a conhecer um serviço prestado pela marca? Após ter essa resposta em mente, fica mais fácil seguir os próximos passos.

Qual o orçamento para investimento na feira?

Quando se fala em negócios, é importante falar em números exatos. Saiba quanto poderá destinar do seu orçamento para investir na exposição e partir daí você poderá traçar as ideias para seu estande sem extrapolar os investimentos.

Quem acompanhará a empresa na exposição?

Decidir quem representará a marca é fundamental, e a escolha vai depender da mensagem que a empresa quer passar no evento — por isso voltamos à primeira questão: por que a sua empresa quer expor. É possível levar o pessoal das vendas, do marketing da empresa, ou até os clientes antigos da marca, dependendo apenas do que você pretende transmitir.

feiras-de-confecção

2. Distribua brindes

O brinde não é apenas um agrado que a marca dá aos seus possíveis compradores para ser gentil. Dentro das feiras — onde o importante é chamar a atenção e se destacar em meio aos inúmeros concorrentes —, os brindes são um impulso para que isso aconteça, e seu objetivo é reforçar a imagem da marca. Por isso, não distribua brindes genéricos. Escolha um que represente a empresa e que servirá para atrair clientes em potencial.

3. Faça uso da tecnologia

Atualmente, a modernização dos setores é uma realidade inegável. Nas feiras de negócios não é diferente, porque cada vez mais os empreendedores apostam na tecnologia para atrair e conquistar os clientes. Ficar de fora desse recurso não é uma atitude aconselhável.

Através de sistemas como o CRM, é possível montar, de maneira simples, planilhas com as informações dos visitantes que passam pelo seu estande, traçando o perfil de quem mais se interessa pelo seu negócio. Além disso, as telas touch, os jogos relacionados a negócios e a interação com as redes sociais são ótimas opções para fisgar os clientes potenciais.

4. Chame a atenção para sua participação no evento

O marketing anterior à feira é essencial para que as pessoas tenham ainda mais vontade de conhecer o seu estande. Invista em chamadas nas redes sociais e demais mídias, convidando os visitantes a conhecer a sua exposição. Além disso, é uma boa oportunidade para se aproximar de contatos da área dos negócios, como fornecedores e leads, portanto, invista e chame a atenção para o seu empreendimento antes mesmo de a feira começar!

5. Utilize catálogos online para vender mais em feiras

catálogo-online-para-feiras

Um catálogo online será importante para a captação de pedidos, dando mais agilidade e organização na captação de pedidos, principalmente em eventos de grande porte e com um grande fluxo de pessoas como são as feiras.  Aplicativos como como esses, também denominados “força de vendas”, permitem que o vendedor tenha à mão multiplos catálogos e informações sobre os clientes em tempo real (histórico de pedidos, produtos mais comprados, etc.), além de evitar erros críticos como vender um produto que não está disponível no estoque.

A automação para a força de vendas, obtida graças ao sistema de pedidos digital, permite enviar o pedido diretamente para o departamento comercial da fábrica em poucos segundos.

Optar por um sistema ágil, com bons recursos (como relatórios de análise) e que tenha uma tela de pedido fácil de digitar, são alguns dos aspectos a serem considerados pelos gestores ao optar por essa tecnologia.

Agora que você já conhece as melhores dicas para expor sua marca e atrair desde já os seus futuros clientes, aposte nas feiras e capriche na exposição do seu catálogo de serviços! Tem mais alguma dica para expor em eventos? Conte para a gente nos comentários!

    

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos

Tags

Abandono de carrinho no e-commerce atendimento ao cliente. aumentar as vendas aumentar as vendas no e-commerce aumentar conversões no e-commerce. aumentar vendas no e-commerce. aumentar vendas. automação de força de vendas automação de marketing automação de vendas Benefícios da inteligência artificial no atendimento ao cliente benefícios do sistema CRM comercio eletrônico no brasil como aumentar a conversão do e-commerce como calcular a curva AB como calcular taxa de conversão no e-commerce como diminuir o abandono de carrinho no e-commerce como funciona a gestão de vendas como otimizar processos como otimizar processos na sua empresa Como uma landing page pode aumentar suas conversões no e- commerce controle de estoque conversão desempenho de indicadores de performance no e-commerce Design design no e-commerce design personalizado design personalizado no e-commerce design ui design ux dicas de como fazer a gestão de equipe de vendas dicas de como otimizar processos na sua empresa dicas de SEO no e-commerce. dicas para aumentar conversão do seu e-commerce diferença entre métrica e KPI diferença entre realidade virtual e realidade aumentada Diferenças entre plataforma de e-commerce B2B e B2C e-commerce e-commerce 2019 e-commerce B2B E-commerce B2C equipe de vendas erros da gestão de vendas estoque no e-commerce estoque. estratégia de e-commerce Facebook flat design Flat design no e-commerce força de vendas gestão de estoque no e-commerce gestão de vendas importância do controle de vendas importância do design no e-commerce importância do design para sua loja virtual inbound marketing instagram integrar e-commerce com marketplace inteligência artificial jornada de compra landing page loja virtual marketing de moda marketing digital marketplace metas de vendas métricas no e-commerce mitos da transformação digital nas empresas motivos para investir em uma loja virtual o que é AnyMarket o que é controle de vendas O que é curva ABC O que é desconto progressivo o que é gestão de vendas O que é google shopping o que é KPI o que é marketplace o que é métrica O que é SEO O que é taxa de conversão no e-commerce o que é um sistema CRM o que é um sistema ERP organização na empresa otimizar processos porque investir no teste A/B principais KPIs no ecommerce quais as vantagens do google shopping qual a diferença entre CRM e ERP qual a importância da curva ABC qual a importância do CRM para sua empresa. qual a importância do ERP para sua empresa qual a importância do SEO no e-commerce quando usar o desconto progressivo Realidade aumentada realidade aumentada no e-commerce. realidade virtual redes sociais redução de custos reduzir custos e aumentar vendas sinais de que é preciso melhorar o controle de vendas sistema CRM sistema de força de vendas sistema de gestão sistema para representantes snapchat tendências para o e-commerce 2019 teste A/B teste A/B no e-commerce vantagens de um e-commerce. vendas

Mais Vistos

30856
30061
15169
11546