8 Tendências de Marketing Digital para 2018

14 de novembro de 2017

O Marketing evolui com a tecnologia, que muda a todo o momento, e estar atento às tendências de Marketing Digital para 2018 é essencial para traçar a estratégia certa. Assim como no mundo da moda ou na maioria dos ramos de mercado, as tendências são o guia da produção e responsáveis por proporcionar o melhor resultado no fim das contas. Além de servirem como parâmetros de base, elas ainda permitem criar uma projeção para que metas sejam alcançadas.

Estar na frente lhe garante vantagem perante a concorrência, portanto, esteja por dentro das principais tendências de Marketing Digital para 2018 e comece desde já a planejar sua estratégia!

 

8 Tendências de Marketing Digital para 2018

 

Marketing de Conteúdo

 

Marketing de conteúdo está entre as tendências de marketing digital para 2018

Em 2018, o conteúdo ainda será o destaque de todo o planejamento. Entretanto, é necessário ter em vista que produzir conteúdo próprio é mais complexo que apenas produzir conteúdo. Um dos maiores exemplos que podemos observar é a Netflix, que continua ganhando o coração de um público enorme e crescente. O engajamento com a marca vem mudando com o passar do tempo e seu conteúdo original e personalizado é o que a diferencia de outros serviços do setor.

Streaming

O Facebook tem investido cada vez mais em transmissões ao vivo e esta funcionalidade está em processo de implantação na cultura dos usuários da rede social. Como a maioria das pessoas é naturalmente curiosa, é difícil resistir à tentação de assistir um vídeo ao vivo.

Um estudo realizado pela Livestream, mostrou que 80% dos entrevistados preferem assistir um vídeo ao vivo a ler uma postagem de blog. Bem como, 81% do público assistiu muito mais transmissões ao vivo em 2016 que em 2015. Ou seja, este número tende a crescer cada vez mais e uma oportunidade de contato tão valiosa como esta deve ser bem aproveitada.

Empresas sem rosto geralmente não têm bons resultados. Os consumidores desejam conhecer verdadeiramente a marca com a qual irão fazer negócio e esperam se deparar com uma imagem humana e interessante. Mostrar como funcionam os bastidores e o trabalho das pessoas que atuam atrás das cortinas é uma boa tática para prender a atenção de seus seguidores. O uso de Stories Webinars também são práticas válidas entre as tendências de marketing para 2018.

Mídia Out of Home

Mídia Out of Home na Moda

Este formato de Marketing é altamente vantajoso por permitir que o cliente tenha conexão com a marca mesmo que off-line. O conceito principal do Out of Home consiste em impactar o consumidor fora de casa.

A ideia de usar outdoors e placas pode parecer ultrapassada, mas quando usada com criatividade e do modo correto, é capaz de trazer resultados incríveis. Atualmente, além de painéis estáticos, ainda existem os displays interativos em shoppings, aeroportos e supermercados, que proporcionam grande visibilidade à empresa.

Um ótimo trabalho que poderíamos usar para exemplificar a estratégia como um todo é o case da empresa IBM, vencedora do prêmio Cannes de Mídia Out of Home. A intenção era transmitir o propósito da empresa: construir áreas urbanas mais inteligentes. Assim, ela transformou o que seriam outdoors em soluções úteis que facilitariam a vida das pessoas. Os anúncios foram espalhados pela cidade e puderam ser usados como abrigos de chuva, bancos e até rampas. A campanha “Smart Ideas For Smarter Cities” foi um sucesso e teve forte repercussão na internet.

Influenciadores digitais

Influenciadoras digitais de moda

Camila Coutinho, Lalá Noneto e Thássia Naves estão entre as maiores influenciadoras de moda.

A web é um lugar imenso e existem milhares de pessoas para serem alcançadas. O Marketing Digital é dinâmico e busca continuamente novas opções para alcançar consumidores. Com o crescente número de normas e atualizações que bloqueiam anúncios, os influenciadores digitais se tornaram grandes aliados na missão de encontrar público qualificado e estão entre as principais tendências de marketing digital para 2018. O Youtube é um dos maiores meios para se apostar, mas, dependendo do contexto, Facebook, Instagram, Snapchat e Twitter também podem ser grandes ferramentas de engajamento. Escolher o influenciador certo é uma tarefa complicada, porém, com tantas alternativas disponíveis e uma análise bem feita é possível encontrar o perfil que possui fãs com mais interesse em seu produto.

A projeção é que, no próximo ano, os micro-influenciadores sejam muito procurados por marcas dos mais diversos setores.

Realidade Aumentada

Por alguns anos este conceito foi sendo construído até chegar onde estamos agora. A presença da realidade aumentada está confirmada como tendência para 2018, mesmo porque, neste ano, vários casos envolvendo a estratégia foram muito bem-sucedidos. A Topshop, por exemplo, criou um provador virtual de roupas que foi colocado em uma das suas lojas na Rússia. maio. Durante três dias, clientes e curiosos testaram a novidade tecnológica que mostrava em sua tela pessoas vestidas com roupas virtuais, sem que elas tivessem, efetivamente, de vesti-las.

Outro exemplo é a Faber Castell, que criou a campanha “A Floresta Sem Fim” para divulgar os lápis ecológicos desenvolvidos pela empresa. Por meio de um aplicativo, o consumidor que adquirir a caixa de lápis pode ver animais e suas próprias pinturas em 3D, além de aprender um pouco sobre cada um. A ideia era conscientizar a criança de que a cada Ecolápis usado, ela ajuda a preservar um animalzinho.

Apesar de ser um recurso caro, a realidade aumentada chegará trazendo consigo a importância da interação do usuário com o audiovisual.

 

Social Media

Pelo fato de as pessoas serem mais propensas a compartilharem e se identificarem com uma conexão emocional, empresas vêm adotando uma abordagem social diferente com o intuito de despertar emoções fortes e criar um vínculo maior com o público. Para isso, as mídias sociais são indispensáveis e, assim, continuam seguindo como um dos pontos fortes das tendências de marketing digital para 2018.

O Facebook ainda é a rede social mais usada, porém, é preciso ficar esperto: o Instagram vem crescendo numa escala cada vez mais elevada. É tempo de avaliar seus resultados. Onde você obtém mais retorno do seu público? Cada caso é um caso e, por exemplo, se sua campanha estiver dando melhores resultados no Twitter e o Pinterest está deixando a desejar, talvez seja hora de mudar o destino de seus investimentos e se preparar para as novidades do ano que está por vir.

Chatbot

Chatbot

No auge da automação com uma propensão a IA, o Chatbot representa um grande marco na relação entre clientes, empresas e tecnologia. Com a proposta de economizar tempo, tanto dos usuários, quanto dos atendentes, e ainda proporcionar informações relevantes de forma inteligente e concisa, diversas empresas já adotaram esta prática, a qual promete ser outra das tendências de marketing digital para 2018. Os bots são capazes de satisfazer as necessidades básicas de atendimento dos clientes e, consequentemente, melhorar a comunicação da marca com o público.

Basicamente, a premissa da ferramenta é que um “robô” responda às mensagens que a empresa recebe. Porém, a funcionalidade vai muito além disso. Esses softwares podem ser baseados em regras ou em inteligência artificial, capaz de aprender e entender linguagem natural com o passar do tempo. Um dos pioneiros dessa prática foi o Facebook, que incorporou a tecnologia ao Messenger. Portanto, se você busca otimizar seu serviço de suporte ao cliente, o Chatbot pode ser uma solução.

Mobile

O aparelho celular deixou de servir apenas como um meio de telefonar e receber chamadas há muito tempo. Com todas as funcionalidades que são adicionadas a cada ano e a quantidade progressiva de usuários ativos, o aparelho revolucionou a internet e, ao que tudo indica isso é só o começo.

O tráfego mobile passou a exceder o tráfego por desktop e, apenas no Brasil, o número de usuários de smartphones cresceu 3,5 vezes em um curto intervalo de 4 anos. Estes são dados da pesquisa Google Costumer Barometer, encomendada pelo próprio Google. O Marketing já se preocupa com este detalhe há muito tempo, entretanto, a tendência é que cada vez mais engajamento se origine de tráfego mobile. Assim, estar atento e observar se sua estratégia está sendo bem-sucedida na navegação móvel é necessário para não sair perdendo. O custo de ignorar estes números e não adaptar seu site e suas mídias sociais para uma experiência mobile pode ser alto e, no ano de 2018, com a tecnologia avançando cada vez mais, é imprescindível se moldar a ela.

Se adequar a todos os padrões e tendências pode ser uma tarefa difícil, mas o retorno de tudo o que realizamos é proporcional ao nosso esforço.  Portanto, não deixe de ficar atento às tendências de marketing digital para 2018 e se planejar para que as suas campanhas sejam ainda mais eficazes!

    

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos

Mais Vistos

19539
12164
8574
7261